A preocupação sobre as mudanças climáticas não pode ficar para depois. A  cidade de São Paulo já sofre os impactos da Emergência Climática: longos períodos de estiagem, calor extremo, aumento da frequência e da intensidade das chuvas e um aquecimento climático médio acima de 3ºC.

Antecedendo a COP26, que acontecerá entre 31 de outubro  e 12 de novembro, na cidade de Glasgow (Escócia), será realizada a 20ª Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas na Câmara Municipal de São Paulo. Com o tema “Mudanças Climáticas: Um código vermelho para o planeta”, o evento será online e acontecerá no dia 25 de outubro, das 18h às 21h.  As inscrições estão abertas e podem ser feitas aqui.

Há 20 anos, Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas tem como objetivo intermediar o diálogo entre cidadãos, instituições  e governo, visando aprofundar a discussão sobre os três pilares da sustentabilidade: ambiental, econômico e social, além de propor políticas públicas, campanhas de sensibilização e legislações para tornar a cidade de São Paulo mais sustentável. 

Esta edição histórica será presidida pelo vereador Professor Toninho Vespoli, líder da bancada do PSOL na Câmara Municipal. A abertura será feita por Gilberto Natalini, médico e ex-vereador. A palestra magna será ministrada por Thelma Krug, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e vice-presidente do IPCC. Em seguida, acontecerá uma Mesa de Debates com: o arquiteto Milton Massafumi, o líder Guarani Karai Djekupei, a médica e pesquisadora do Instituto Saúde e Sustentabilidade Evangelina Vormitag e a cicloativista Renata Falzoni. A mediação será feita por Amanda Costa, jovem líder climática e embaixadora da ONU. 

De acordo com o vereador Professor Toninho Vespoli, a Conferência P + L é Mudanças Climáticas é um fórum de discussão municipal cujo objetivo é conscientizar e mobilizar a sociedade  e contribuir para a discussão das ações necessárias para enfrentar os impactos das mudanças climáticas.  “A cidade de São Paulo já sofre muito com impactos violentos. Não há Planeta B!”, alerta o vereador.

 

Programação

Cerimônia de Abertura – 18h

  • Vereador Professor Toninho Vespoli (Presidente da Conferência)
  • Gilberto Natalini (Médico, ambientalista, ex-vereador e Presidente de Honra)

Palestra Magna – 18h20

  • Novo Relatório do IPCC: Implicações para as cidades brasileiras; Com a debatedora Thelma Krug (vice-presidente do IPCC da ONU) 

Mesa de Debates – Do Global ao Local

Com mediação Amanda Costa (ativista climática e jovem embaixadora da ONU)

  • Os impactos das mudanças climáticas sobre a saúde humana – 18h50

Com a debatedora Evangelina Vormittag (médica e pesquisadora do Instituto Saúde e Sustentabilidade)

  • O reconhecimento das Águas Urbanas para aumento da resiliência urbana da cidade de São Paulo – 19h10

Com o debatedor Newton Massafumi (arquiteto, urbanista e pesquisador do MediaLab/SP)

  • O Cinturão Verde guarani da Cidade de São Paulo – 19h30

Com Karai Djekupe (Líder indígena Guarani)

  • Mobilidade ativa para cidades sustentáveis e inclusivas – 19h50

Com Renata Falzoni (Bikerrepórter e Cicloativista)

Encerramento – 20h10