Pesquisa aponta que 50% da poluição atmosférica na região metropolitana de São Paulo advém da emissão de ônibus e caminhões, mesmo quando estes representam apenas 5% da frota

Um estudo realizado pelo Instituto de Física da Universidade de São Paulo e publicado na Scientific Reports revelou que os ônibus e caminhões que circulam na capital paulista e representam apenas 5% da frota veicular são responsáveis pela emissão de 50% dos poluentes.

Os resultados apontam para a instalação de filtros no escapamento dos ônibus como uma opção simples, rápida e barata de redução da poluição atmosférica na cidade.

Leia a reportagem completa aqui.