Nesta quarta-feira vamos bater um papo sobre qualidade do ar com a Camila Acosta, coordenadora de comunicação do Instituto Saúde e Sustentabilidade (ISS), professora da FMU e da Cásper Líbero e doutoranda em comunicação na USP.

O ISS integra a Coalizão Respirar, grupo que congrega mais de vinte organizações da sociedade civil (inclusive o Famílias pelo Clima), com o objetivo de demandar medidas intersetoriais de incentivo à transição para uma economia mais sustentável, eficiente e resiliente.

Esse assunto tem tudo a ver com o Famílias pelo Clima. Além de contribuir para as mudanças climáticas, a OMS aponta que a poluição do ar mata mais de 7 milhões de pessoas no mundo anualmente. No Brasil, apenas em 2016 foram mais de 44 mil mortes. As crianças estão entre os grupos mais vulneráveis. Mais de 169 mil mortes de crianças com menos de cinco anos estão ligadas à poluição decorrente das emissões de veículos, produção de energia a partir de combustíveis fósseis, incineração de resíduos, queimadas e grilagem de terra.

Vamos juntos criar cidades melhores para todos?
Esperamos você!
1/7 (QUARTA)
17H
Insta: @familiaspeloclima