Estado foi o primeiro a desenvolver uma rede própria com equipamentos de baixo custo e que contempla todos os municípios

O Instituto Saúde e Sustentabilidade lançará, em evento online realizado no dia 14 de outubro às 16h (BRT) / 14h (ACT), o relatório Iniciativa Acre de Monitoramento da Qualidade do Ar: Análise da rede de monitoramento da qualidade do ar com equipamentos de baixo custo no Estado do Acre que inaugura a série Iniciativas [Ar+Clima]

O estudo trata sobre a trajetória desta iniciativa inovadora, assim como descreve em detalhes os arranjos que permitiram sua implementação. O ponto de destaque é a parceria estabelecida entre diferentes instituições, como a universidade, o Ministério Público e o governo do estado, para viabilizar a formação da única rede local de monitoramento da qualidade do ar a partir do investimento financeiro, técnico e científico em equipamentos de baixo custo. 

Como desdobramento, atualmente todos os municípios acreanos possuem pelo menos um sensor que transmite em tempo real a situação da qualidade do ar e que pode ser acessado por qualquer pessoa. 

O lançamento do relatório contará com a participação de representantes das instituições locais em uma roda de diálogo – Prof. Dr. Irving Foster Brown e Prof. Dr. Antonio William Flores da Universidade Federal do Acre e Dra Rita de Cássia Nogueira Lima do Ministério Público do Estado. 

Ademais, Ane Alencar do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia e a Profa. Dra. Sandra Hacon da Fiocruz darão palestras sobre os temas de queimadas e a situação da qualidade do ar na região Amazônica. 

SERVIÇO

Lançamento do Relatório: Iniciativa Acre de Monitoramento da Qualidade do Ar: Análise da rede de monitoramento da qualidade do ar com equipamentos de baixo custo no Estado do Acre

14 de outubro às 16h (BRT) / 14h (ACT)

Inscrições: https://apm-org-br.zoom.us/meeting/register/tZMsfu2hpjwpHdHzIUZ9RPQgcqp_Ipu39599  

IMPRENSA

Camila Acosta

(11)96335-2699

comunicacao@saudeesustentabilidade.org.br